Saiba onde será o Enduro de Magé!

A próxima etapa da Copa de Estreantes acontecerá em Magé, mais precisamente no distrito de Pau Grande, terra do nosso ilustre Garrincha que deu tanta alegria e vitorias para o Botafogo carioca!

Igreja de Sant´Ana

A Vila começou em 1848, quando as terras que comporiam a fazenda Pau Grande pertenciam a quatro irmãos. No dia 11 de agosto do mesmo ano, três destes irmãos venderam suas partes a Aureliano de Souza e Oliveira Coutinho.

O ex-Ministro de Estado conselheiro Visconde de Sepetiba foi responsável pela construção do Canal de Magé e da nova Estrada da Estrela, trazendo 500 imigrantes alemães do “velho mundo” para uma colônia que mais tarde seria chamada de “Petrópolis”. Isso na epoca em que foi presidente da Províncias do Rio de Janeiro, entre 1844 e 1848.

Em 1854, o resto do sítio foi vendido e posteriormente elas foram vendidas ao Comendador Francisco e guarda-roupa Francisco Pinto da Fonseca.

Mas em 1865, o comendador dividiu as terras entre seus filhos Francisco Pinto da Fonseca Teles (Este o “Patriarca de Jacarepaguá, também conhecido como o Barão de Taquara) e Jacinto Bernardino Pinto da Fonseca. E nessa divisão, coube a Jacinto Bernardino a fazenda Pau Grande.

Igreja de Sant´Ana. No final de julho são realizadas festas de devoção a Santa. A Capela faz parte da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição de Raiz da Serra, Decanato 3 da Diocese de Petrópolis.
De 1865 a 1877, a fazenda teve vários donos: Três anos depois de receber a propriedade, Jacinto Bernardino vendeu ao americano James B. Johnson. Este, por sua vez, passou a fazenda para o Sr. João Paulo dos Santos Barreto. No ano de 1877, João Paulo passou esta a três empresários: Antônio Felício dos Santos, John Sherrington e Francisco José Pedro Lessa.

Praça Montese

Estes tinham a intenção de construir uma fábrica de tecidos e o local escolhido ficava entre os vales dos morros Redondo, Dois Irmãos e Velho, distante três quilômetros e meio da Estação de Raiz da Serra. Todo o material utilizado para a construção dessa fábrica foi importado da Inglaterra e chegava a localidade por meio da E.F. Barão de Mauá.

A partir desse esforço coletivo, nascia a Cia. América Fabril, que teve outras indústrias instaladas no Rio de Janeiro.

Por estar isolada e utilizando mão-de-obra rural, a Cia. Textil Pau Grande construiu e manteve uma comunidade fechada ao seu redor, semelhante a uma das várias vilas operárias das industrias têxteis na virada do século XX. Nascia então, a vila Pau Grande. Mas fica uma pergunta no ar: Por que Pau Grande??
É que exista uma árvore junto ao portão do síto de um dos quatro irmãos, os primeiros proprietários das terras que compõem hoje Pau Grande. E a vila operária cresceu com a Indústria têxtil e atualmente tem sediada em suas terras a fábrica dos refrigerantes Pakera.

Vales, montanhas e o verde são predominantes

Fundada por Cláudio Rodrigues, natural de Minas Gerais, no mês de outubro de 1984, entre as serras de Petrópolis e Teresópolis, a Refrigerantes Pakera Ltda, iniciou suas atividades apenas com esta marca, na cidade do Rio de Janeiro e no interior do estado. Em 1987 a marca Tobi foi adquirida do Grupo Perrie de Águas Minerais. Em seguida, ocorreu a aquisição da marca Grapette em 1989. Situada em local privilegiado por seu clima de montanha, a água utilizada pela indústria mantém padrões internacionais de potalidade e todas as características desejadas: límpida, clara, inodora, livre de micro organismos, ideal para utilização na fabricação de seus produtos e para consumo o humano.

Com duas unidades industriais , possui hoje em seu portifólio os Refrigerantes Grapette, Tobi e Pakera, a Água Mineral Da Montanha, o Guaraná Natural Tobi e a Cerveja Buena. Hoje, a Refrigerantes Pakera é a terceira marca mais vendida no estado do Rio de Janeiro.

Já vimos que Pau Grande nasceu em meio a uma indústria têxtil e hoje vive em meio a montanhas e vales, que podem ser avistados de qualquer parte do bairro , sob as “bençãos” da Refrigerantes Pakera. Mas o bairro é mais conhecido – como afirmamos no início deste post – pelo seu filho ilustre.

Deu água na boca? Vamos andar nesse final de semana? Increva-se para a prova clicando aqui, vamos com tudo para Magé. Se você tiver duvidas na hora de se inscrever, ligue passe um email para o Angelo que ele te ajuda, angelo.cunha@hotmail.com
Anúncios
Esse post foi publicado em Matérias. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s